Oficiais portugueses na elite da Europol contra terrorismo

A ameaça de infiltração de terroristas entre os refugiados levou a Europol a destacar para a Grécia um grupo de peritos

Os primeiros três oficiais de polícia portugueses já estão neste momento no terreno, em campos de refugiados na Grécia, junto à fronteira com a Turquia. Fazem parte da primeira equipa policial de elite de peritos em contra-terrorismo que a Europol – a agência de polícia europeia – escolheu para recolher informações e identificar potenciais terroristas, ou outros criminosos, que se tentem infiltrar entre os migrantes que aguardam a resposta aos seus pedidos se asilo.

Notícia publicada no Diário de Notícias, dia 25 de setembro de 2016.

Ler mais aqui